Normalmente, após ler determinado texto que eu tenha gostado, procuro saber quem é o autor original daquele texto. Porque se eu acho algo interessante, prefiro obter mais informações direto na fonte.

Então, cada vez que eu clico em um tweet que julgo relevante, acabo “parando” 3 ou 4 sites depois. Em uma dessas viagens, deparei-me com o vídeo abaixo. Para ser honesto, a primeira versão que vi era uma produção na qual apenas o som original fora mantido. Já a segunda continha apenas os primeiros 5 minutos de áudio e vídeo. Essa foi a versão mais completa que eu encontrei:

http://www.youtube.com/watch?v=SPf0sClRgrU&feature=related

O homem discursando chama-se Eric Thomas. Limitar-me a traduzir e transcrever o que foi dito tirará todo o impacto do vídeo. Recomendo que o assistam. Está em inglês. Se algum dia alguém quiser se aventurar a inserir legendas nos vídeos do You Tube, leia esse artigo. A versão produzida (vídeo editado) e legendada em Português pode ser encontrada aqui.

Por que eu me identifiquei com o vídeo? Porque ao contrário do que possa parecer, eu nunca me vi como um indivíduo talentoso, mas sim como um indivíduo esforçado. Nas vezes em que obtive sucesso, foi porque esforcei-me mais do que podia para superar alguma eventual carência de talento. É nisso que eu acredito: Que você deve se esforçar ainda mais hoje para superar o você de ontem. Que se fizer algo com afinco e dedicação, então a jornada superará o destino.

Correndo o risco de soar piegas, arrogante ou egocêntrico, segue-se um texto que escrevi em meados de 2005 (ou talvez até um pouco antes disso). Mantive-o como estava, quaisquer que fossem os erros que ele contivesse e mesmo discordando de mim mesmo sobre um ponto ou outro.
Costumava encaminhá-lo às pessoas mais próximas, como uma forma de dizer “quando se sentir perdido(a) e sozinho(a), lembre-se disto, não desista e lute o quanto puder”.

Clique aqui para exibir o texto


Somente uma pessoa *sempre* partilhara todos os momentos da sua vida com voce: voce mesmo.

Determinacao ! Auto-motivacao ! Superacao ! Tratam-se de instrumentos poderossimos que podem ser aprendidos
e utilizados por qualquer forma de vida conhecida.

De maneira grosseira, tudo pode ser resumido no estabelecimento de objetivos (metas) e como estes serao
atingidos (estrategias). Para ilustrar isto, imagine-se como um corredor (fundista ou velocista).
E um atleta iniciante que almeja a gloria maxima no esporte. Sua meta e clara: Quer ser o corredor mais eficiente
(resistente ou veloz) do mundo.
Mas como fazer isto ? Imaginar as centenas de milhares de corredores espalhados pelo planeta, com patrocinio e
treinamento muito superior, faz-se desanimador. Como reagir ? Como superar as expectativas ? Como ultrapassar os
limites ? O segredo e contra quem voce compete…
A cada dia, a cada instante, voce so precisa competir contra si mesmo. So precisa almejar ser melhor
hoje do que foi ontem. Como corredor, voce sabe disto. Toda vez que poe os pes em uma pista de treino, nao ha
outros competidores ao seu lado, nem plateia ao seu redor. Apenas voce e o desejo de superar a sua marca anterior. Ser um
pouco mais resistente ou mais veloz que no treino anterior. Nao precisa ser muito, apenas o suficiente.

Ainda resta um componente essencial: sua motivacao para atingir os objetivos.

Todos os dias, voce acorda cedo. Na geladeira nao ha quase nada para comer. A pista de treinos fica do
outro lado da cidade. Sao 3 conducoes para chegar ate la. Para ajudar, ainda ameaca chover. No onibus,
enquanto voce se recorda de mais um patrocinio perdido, cede suas ultimas notas a um moleque armado. O mundo conspira
contra voce ! Foram muitos os que te avisaram que voce falharia e somente alguns os que acreditaram em voce.
Deseja desistir, abandonar tudo…
Voce entao se relembra de algumas sabias palavras :

“- Olha, filho, o que vou dizer e meu presente para voce. Reuna tudo que o motiva, nao importa o que.
Bom ou ruim. Lembre-se de tudo e entao guarde todos estes sentimentos, pois eles serao seu amuleto da sorte.
E quando estiver cansado, desmotivado, reviva tudo isto novamente, como se carregasse seu amuleto no peito”.

Nao ha amuleto algum. Voce se recorda das razoes e decisoes que o trouxeram onde esta e a sensacao e
revigorante. Como corredor voce esta preparado para o “sprint” final.

“- Se ao olhar para frente na vida, voce temer o longo caminho a ser percorrido, entao pare. Olhe para
tras e relembre a explendida caminhada que o trouxe ate aqui. Esta na metade do caminho entao por que desistir
agora ?”.

E o “sprint” final voce pensa. Como em uma corrida, voce exige um esforco sobre-humano de seu espirito.
So mais alguns segundos, so mais alguns metros, so mais algumas “provacoes”. *Sempre* havera “sprints” finais.
A cada obstaculo voce se lembrara disto. E ira resgatar o que houver de forcas e exigir o maximo de
cada musculo e de cada articulacao.
E entao, os dias se passarao. Virao os meses, as competicoes e os anos. E logo, cada minimo esforco sera
acrescido ao do evento anterior. A diferenca entre voce e os demais participantes se reduzira pouco a pouco, ate
que ela volte a aumentar, mas agora a seu favor. E mesmo quando perder, voce se sentira vitorioso pois esforcou-se
ao maximo e triunfou sobre seu unico oponente real: Voce mesmo.

Sempre que forem determinados, capazes de se auto-motivar e de encarar os obstaculos, nao havera desafios
que nao se dobrem a vontade de voces. Lembrem-se bem disto !

E termino com uma frase que só me lembro de ter lido certo tempo depois e que, se não me engano, já esteve na assinatura de e-mail de um amigo:

“A alegria está na luta, na tentativa, no sofrimento envolvido e não na vitoria propriamente dita.”
Mahatma Gandhi